Portal Voz Amazônica

Devido ao aumento de casos na cidade, Prefeitura do Careiro Castanho declara guerra à Covid-19

O município cumpre com criterioso cuidado, com o apoio da população, o decreto de isolamento e os protocolos de prevenção, e as barreiras de entrada e saída da cidade possuem pontos preventivos exclusivos.

Careiro Castanho (AM) – A apenas  124 quilômetros da capital, pertencendo à Região Metropolitana de Manaus, o município de Careiro Castanho tem experimentado considerável aumento dos índices de infecção por Covid-19 nas últimas semanas, e mesmo com todo o impulso, investimento e ações da prefeitura municipal no sentido combater o avanço do coronavírus, mais de 30 mortes pela doença foram registradas na cidade, índice que, em comparação ao ano passado, praticamente dobrou.

O prefeito Natan Macena, que faz questão de acompanhar de perto todo o contexto, visitando regularmente os âmbitos do Hospital Municipal Deoclécio Santos, a maior unidade de saúde da cidade, e determinou um combate ferrenho e focado de fato no combate à Covid-19, com a ampliação dos aparatos, que incluem, sobretudo, oxigênio suficiente para a população afetada (cuja utilização efetiva tem sido de 25 cilindros por dia), e também a conscientização dirigida, conclamando a população à união real para a redução eficiente das infecções.

Preocupado com o vertiginoso avanço da Covid-19, juntamente com a equipe municipal de saúde, Natan Macena decidiu destinar todo o pessoal e aparato para o enfrentamento ostensivo do coronavírus: “Não estamos mais realizando cirurgias eletivas em nosso hospital, e nossas equipes de saúde têm atuado diuturnamente para o atendimento dos casos. Temos leitos exclusivos, porém precisamos de todo o apoio dos governos Estadual, Federal e da população neste momento tão difícil. Vimemos um segundo pico”, declarou o prefeito.

O número de leitos apropriados para pacientes da Codiv-19, dentro do Hospital Municipal Deoclécio Santos, passou de 20 para 33. O prefeito disse que atualmente há 23 pessoas internadas, das quais 17 estão dependendo diretamente de oxigênio. O município cumpre com criterioso cuidado, com o apoio da população, o decreto de isolamento e os protocolos de prevenção, e as barreiras de entrada e saída da cidade possuem pontos preventivos exclusivos.

O prefeito Natan Macena e criou também uma unidade dedicada exclusivamente para o tratamento da Covid-19, e ampliou a intensificação da vacinação, inclusive na zona rural, na área da BR 319. “Estamos em uma verdadeira e autêntica guerra contra esse vírus devastador, e se Deus quiser, logo em breve, teremos imunizado toda a nossa população”, disse o prefeito.

Da Redação: Synthia Queiroz

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.