Portal Voz Amazônica

Prefeito de Manaus comemora sucesso na campanha de vacinação e celebra queda do índice de sepultamentos

A agilidade no processo de vacinação, implantado pela Prefeitura de Manaus, foi elogiada pela Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), que, na última semana, passou a sugerir o mesmo modelo para outros Estados

Manaus – Na noite da segunda-feira (8), o fim de mais uma jornada trouxe esperança e uma marca importante para a cidade de Manaus. De acordo com o prefeito de Manaus David Almeida, o número expressivo de 15.475 profissionais da saúde e idosos com 70 anos vacinados contra a Covid-19 até aqui, representa um novo recorde diário de imunizados desde o início da Campanha de Vacinação, coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa).

Além disso, a Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp) informou que 89 sepultamentos foram realizados no município, menor marca desde o dia 4 de janeiro. O novo recorde diário de imunização aconteceu após a Prefeitura de Manaus iniciar a nova fase da Campanha de Imunização, que permite a vacinação dos idosos com 70 anos ou mais e os profissionais da saúde que fazem parte dos grupos 4, formado por trabalhadores das clínicas privadas multiprofissionais e das drogarias e farmácias, desde que sejam profissionais da saúde; e as do grupo 5, que são trabalhadores das sedes administrativas das secretarias de Saúde e do Complexo Regulador.

Por meio de um vídeo, David Almeida fez questão de agradecer a todos os servidores envolvidos no processo de vacinação e adiantou que a meta é continuar alcançando novas marcas históricas, até que toda a população da cidade esteja imunizada contra o novo coronavírus. “Que alegria, que resultado fantástico de hoje, do trabalho realizado de vacinação, de imunização. Muito obrigado pelo trabalho de vocês. Manaus agradece. Manaus está muito feliz com o trabalho de todos vocês. Que Deus abençoe a todos. Amanhã é um novo dia, mais um grande desafio, vamos levantar para trabalhar, mais uma vez, para imunizar a nossa população. Vacinar e protegê-las desse vírus, que está atormentando as nossas vidas”, disse David.

A agilidade no processo de vacinação, implantado pela Prefeitura de Manaus, foi elogiada pela Organização Pan-Americana da Saúde (Opas), que, na última semana, passou a sugerir o mesmo modelo para outros Estados.

O prefeito ainda revelou que a expectativa é de finalizar a nova fase de vacinação até o próximo sábado, 13. A nova fase da campanha segue nesta terça-feira (9), a partir das 9hs. Os membros dos grupos prioritários podem ir a qualquer um dos postos de vacinação instalados pela Prefeitura de Manaus. São eles: Complexo de Exames do Detran, na Colônia Terra Nova, zona Norte; estacionamento da Universidade Paulista (Unip), no Parque 10 de Novembro, zona Centro-Sul; balneário do Sesc-AM, no Planalto, zona Oeste; Clube do Trabalhador do Sesi-AM, no São José Operário, zona Leste; Centro Cultural Povos da Amazônia (antiga rotatória da Suframa), no Distrito Industrial, zona Sul; e shopping Phelippe Daou, no Jorge Teixeira, zona Leste. Não é necessário que o idoso resida na mesma área de localização dos postos de vacinação, podendo optar por qualquer um deles.

No que concerne à queda nos sepultamentos, nesta segunda-feira (8), conforme o Informe Funerário divulgado pela Prefeitura de Manaus, tendo como base os dados da Semulsp, 89 sepultamentos foram registrados nos cemitérios da capital do Amazonas. O índice é o menor em comparação aos registrados ao longo da última semana. Neste domingo, 7, foram registrados 142 sepultamentos; enquanto no sábado, dia 6, a marca foi de 146 enterros. Na sexta-feira, 5, foram computados 125 sepultamentos, enquanto na quinta-feira, 4, o índice de enterros foi de 127. Já na quarta-feira, dia 3, o total de 146 sepultamentos foram registrados, enquanto que na terça-feira, 2, a marca foi de 155 enterros. Na segunda-feira, 1º/2, foram registrados 156 sepultamentos. Até o momento o dia 4/1, era a única data com o baixo índice de enterros. Na ocasião, foram computados apenas 66 sepultamentos nos cemitérios de Manaus.

Da Redação

você pode gostar também
Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.